16 dezembro 2009


ainda não está ali ao lado por pura preguiça
mas gosto muito de visita
O Alfaiate Lisboeta


muito criativo, muito interessante
(alguma inveja de um projecto tão conseguido)
sinceros parabéns ao Alfaiate!

14 dezembro 2009

sinais dos tempos?



na linda Marginal
no chique Estoril
estão as obras do ex- Estoril Sol.
(que eu sei lá que nome tem esta abortelice em curso)
um pouco antes das 9 da manhã
ali, onde as vedações metálicas se interrompem numa porta de obra>br>
uma série de homens de camisas quentes em xadrez e forros polares coloridos, sacola a tiracolo e gorro na cabeça,
esperam...
ocorreu-me que esperam, como em tempos idos, que alguém de dentro lhes anuncie quantos são necessários para trabalhar esse dia,
esperam que alguém os escolha - porque em fila por ordem de chegada não estão...
seja ou não,
arrepia-me este panorama ali de frente ao mar azul e à linda baía de Cascais
(ou já agora, em qualquer outro lugar!)

11 dezembro 2009

... finalmente!



fomos os 3
ao Portugal dos Pequenitos da minha infância
(e da de muitos suponho : )

o dia não estava para fotos! mas não choveu e o D. gostou!!!
já faltam menos "pedras no sapato"

10 dezembro 2009



A BIBLIOTECA DIGITAL MUNDIAL DA UNESCO

www.wdl.org
Envio-vos o que considero, sem dúvida, o arquivo CULTURAL mais importante que recebi!!! A NOTÍCIA DO LANÇAMENTO NA INTERNET DA WDL..... A BIBLIOTECA DIGITAL MUNDIAL. QUE PRESENTE DA UNESCO PARA A HUMANIDADE INTEIRA !!!! especialmente para OS JOVENS
Já está disponível na Internet, através do sítio
www.wdl.org É uma notícia QUE NÃO SÓ VALE A PENA REENVIAR MAS SIM É UM DEVER ÉTICO, FAZÊ-LO!!
Reúne mapas, textos, fotos, gravações e filmes de todos os tempos e explica em sete idiomas as jóias e relíquias culturais de todas as bibliotecas do planeta.
Tem, sobre tudo, carácter patrimonial" , antecipou ontem em LA NACION Abdelaziz Abid, coordenador do projecto impulsionado pela UNESCO e outras 32 instituições.
A BDM não oferecerá documentos correntes , a não ser "com valor de património, que permitirão apreciar e conhecer melhor as culturas do mundo em idiomas diferentes: árabe, chinês, inglês, francês, russo, espanhol e português. Mas há documentos em linha em mais de 50 idiomas".

Entre os documentos mais antigos há alguns códices precolombianos, graças à contribuição do México, e os primeiros mapas da América, desenhados por Diego Gutiérrez para o rei de Espanha em 1562", explicou Abid. Os tesouros incluem o Hyakumanto darani , um documento em japonês publicado no ano 764 e considerado o primeiro texto impresso da história; um relato dos azetecas que constitui a primeira menção do MeninoJesus no Novo Mundo; trabalhos de cientistas árabes desvelando o mistério da álgebra; ossos utilizados como oráculos e esteiras chinesas; a Bíblia de Gutenberg; antigas fotos latino-americanas da Biblioteca Nacional do Brasil e a célebre Bíblia do Diabo, do século XIII, da Biblioteca Nacional da Suécia

.
Fácil de navegar
Cada jóia da cultura universal aparece acompanhada de uma breve explicação do seu conteúdo e seu significado. . Os documentos foram escaneados e incorporados no seu idioma original, mas as explicações aparecem em sete línguas, entre elas O PORTUGUÊS
A biblioteca começa com 1200 documentos, mas foi pensada para receber um número ilimitado de textos, gravados, mapas, fotografias e ilustrações. Como se acessa ao sítio global
Embora seja apresentado oficialmente hoje na sede da UNESCO , em Paris, a Biblioteca Digital Mundial já está disponível na Internet, através do sítio
www.wdl.org .
O acesso é gratuito e os usuários podem ingressar directamente pela Web , sem necessidade dese registarem Quando a gente faz clique sobre o endereço
www.wdl.org , tem a sensação de tocar com as mãos a história universal do conhecimento. Permite ao internauta orientar a sua busca por épocas, zonas geográficas, tipo de documento e instituição. O sistema propõe as explicações em sete idiomas (árabe, chinês, inglês, francês, russo,espanhol e português). Os documentos, por sua parte, foram escaneados na sua língua original. Desse modo, é possível, por exemplo, estudar em detalhe o Evangelho de São Mateus traduzido em aleutiano pelo missionário russo Ioann Veniamiov, em 1840. Com um simples clique, podem-se passar as páginas de um livro, aproximar ou afastar os textos e movê-los em todos os sentidos. A excelente definição das imagens permite uma leitura cómoda e minuciosa.

Entre as jóias que contem no momento a BDM está a Declaração de Independência dos Estados Unidos, assim como as Constituições de numerosos países; um texto japonês do século XVI considerado a primeira impressão da história; o jornal de um estudioso veneziano que acompanhou Fernão de Magalhães na sua viagem ao redor do mundo; o original das "Fábulas" de Lafontaine, o primeiro livro publicado nas Filipinas em espanhol e tagalog, a Bíblia de Gutemberg, e umas pinturas rupestres africanas que datam de 8.000 A.C.

Duas regiões do mundo estão particularmente bem representadas: América Latina e Médio Oriente. Isso deve-se à activa participação da Biblioteca Nacional do Brasil, a biblioteca Alexandrina do Egipto e a Universidade Rei Abdulá da Arábia Saudita.

A estrutura da BDM foi decalcada do projecto de digitalização da Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos, que começou em 1991 e actualmente contém 11 milhões de documentos em linha.

Os seus responsáveis afirmam que a BDM está sobretudo destinada a investigadores, professores e alunos. Mas a importância que reveste esse sítio vai muito além da incitação ao estudo das novas gerações que vivem num mundo áudio-visual. Este projecto tampouco é um simples compêndio de história em linha: é a possibilidade de aceder, intimamente e sem limite de tempo, ao exemplar sem preço, inabordável, único, que cada um alguma vez sonhou conhecer


vía em-mail

26 novembro 2009



filme/tema para reflexão/discussão


texto original que me chegou, via mail, com o link para o filme:

La conciencia? Es la voz del alma?
*_Una fotografía_*

El "suicidio" moral de la humanidad al olvidar la ética para pasar a la "estética"...
Que cada quien saque sus propias conclusiones de éste, que bien podría ser un documental muy representativo sobre aquello en lo que nos hemos convertido...

quantas das fotos premiadas - por exemplo, World Press Photo - "custam" mas ...foram/são premiadas. Será que ajudam, realmente, o Homem e tornar-se mais...humano? Ou apenas nos sensibilizam só a nós, os que não têm poder?

19 novembro 2009

como para tudo



cada um tem a sua opinião
eu acho uma pena que toda a gente fique a saber destes lugares...
porque toda a gente é, a maioria das vezes, demasiado selvagem para apreciar e preservar

pelo que tenho pena que um tal de João Pequenão tenha feito um site para este lugar tão especial...
e o nome do lugar não digo, óbviamente, fica só para os conhecedores...
opiniões...
(as fotos são tiradas do site, boas!)

18 novembro 2009

13 novembro 2009

o antes e o depois


catarse (z)
(grego kátharsis, -eós, purificação)
s. f.1. Filos. Palavra pela qual Aristóteles designa a “purificação” sentida pelos espectadores!
espetadores durante e após uma representação dramática.
2. Método psicanalítico que consiste em trazer à consciência recordações recalcadas.
3. Libertação de emoção ou sentimento que sofreu repressão.
4. Evacuação dos intestinos.
in Priberam

Alexander Calder


12 novembro 2009

suburban girl



goes to town for half an hour
gosta do ambiente da Baixa
e dá logo de caras com a Paula Lobo Antunes e depois com a Bárbara Guimarães
Portugal ser pequeno e Lisboa e "a Linha" ainda menos
é, creio que já disse, uma coisa que me agrada sobremaneira
quero lá saber as "celebridades "(?) do burgo!
gosto é de descobrir que todos temos um monte de gente em comúm, porque já foi vizinho, ou é primo de... , ou passava férias no mesmo lugar, etc, etc
gosto mesmo!

06 novembro 2009

boas ideias e boas causas

Como a
Patti pede, aqui esá a notícia

toca lá a inscrever-se!

Lá para 1993 e 1994, lembro-me de participar numa campanha para limpar o país.
Vinha anúnciada n' O Público. Havía grupos que se dedicavam a certas áreas e tinham locais de encontro para quem se lhes quisesse juntar, estilo os Escoteiros de Cascais juntavam-se no Guincho, os Amigos da... juntavam-se nos Capuchos na Serra de Sintra.
Eu juntei namorado, enteados e uns amigos (poucos) mais e de luvas e grandes sacos de plástico dedicámo-nos aos pequenos jardins e áreas verdes que rodeavam a nossa zona na vila.
A campanha repetiu-se por uns poucos anos, não recordo quem a "patrocinava" ou de quem era a ideia, sei que vinha de fora e que começou a ter expressão, o anúncio no jornal com os grupos e áreas de encontro era de página inteira. Tinha por logo um globo terrestre apenas com os paralelos e meridianos...

05 novembro 2009

coisas boas



Sleeping Mother & Baby de Nerida Yong

...de repente estava ao meu lado, muito encostadinho, quentinho uhmmmmmmm

- chegue-se para lá mãe

- bommm... então vou fazer-te o pequeno almoço ahhuuuummm (bocejo)

- mãe, são 02:30

- ai que bom, boa noite

há coisas assim simples que de repente sabem tão bem

02 novembro 2009


(foto minha, torta!)

aldraba ?!!! substantivo?!!!
estou sempre a aprender!

(pensei que era aldaba, como há anos, poucos, achei que fragrância era fragancia)

há palavras que me foram apresentadas como sendo espanholas e para sempre assim permaneceram

melhor: eu e as minhas traduções à letra!!!


27 outubro 2009

Roberto Boltaño



«para se ler sem rede - como num sonho em que percorremos um caminho que nos poderá levar a todos os lugares possíveis.» Ed. Queztal

26 outubro 2009

desaparecida (daqui)


não é que ande a fotografar muito
e esta, óbviamente, não é minha porque sou eu
mas gosto dela
e foi uma bela noite de verão

20 outubro 2009

Fun Can Obviously Change Behavior For The Better


via Laurinda Alves, dois filmes com ideias da Volkswagen, aonde não se fala de carros, e sim de ideias giras e comportamento ecológico

A VER

e

14 outubro 2009

The Wave



A Onda (The Wave) de Susie Lee ganhou o Best Illustrated Children's Book 2008
vi, amei e comprei na loja da Casa das Histórias (Paula Rego) em Cascais
Sem texto, desenhos a carvão muito simples e o mar azul...
é tão BONITO

13 outubro 2009


Joaquín Sorolla
fds do melhor a passear a pé pela costa e a banhos
dias e temperatura da água tão melhores que na maioria dos dias de verão no Guincho e Abano!
uma delicia
ah e Os Abrazos Rotos também vale muito a pena

09 outubro 2009

nova palavra

solipsista - partidário do solipsismo solipsismo s. m. (solipso + -ismo) s. m.Vida ou hábitos de solipso ou de indivíduo solitário este livro de Alan Bennet é uma delicia! lê-se super bem e é pequenino, recomendo vivamente

07 outubro 2009


há dias em que não sei...

mas tive a ideia de ir andar

às vezes esqueço-me

da sorte que tenho de estar onde estou

e ainda coloquei uma andorinha no vidro da minha janela com as nuvens, arvoredo, telhado do casario e baía de fundo
; )


02 outubro 2009

The IKEA Way


Eu acho muito interessantes todas estas medidas e achegas à sustentabilidade do mundo e à melhoria da qualidade de vida de todos
A Responsabilidade
A Lista do Progresso

“Menos é mais”, não é suficiente. Os designers da IKEA precisam constantemente de fazer “Mais por menos”. Trata-se de desenhar primeiro uma etiqueta de preço e depois procurar soluções e inovações para optimizar o material e tornar o produto o mais plano possível, e assim, ter o menor impacto possível no ambiente. A construção alveolar da nossa mesa LACK e o sistema de arrumação BESTÅ são dois bons exemplos da ajuda do design para minimizar o uso de recursos e tornar o produto fácil de transportar.
O formaldeído é um composto químico muito comum presente, por exemplo, na água, fruta e madeira, mas também pode ser adicionado através de processos industriais.
Para evitar problemas de saúde, existem requisitos rigorosos no uso de formaldeído em móveis. Queremos que os níveis de emissões de formaldeído nos produtos de madeira da IKEA sejam iguais aos níveis da madeira natural.
Assim, começámos por deixar de utilizar, nos nossos produtos, vernizes à base de formaldeído (1993). Em seguida, removemos o formaldeído dos sistemas de cola utilizados para colar superfícies folheadas. A mesa para portátil DAVE, por exemplo, tem uma placa de fibras no tampo, o que contribuiu para reduzir as emissões de formaldeído em cerca de 40%. Os níveis estão agora significativamente abaixo dos requisitos da UE
Nenhum copo vendido na IKEA possui chumbo. Em 1994, decidimos acabar gradualmente com o uso de chumbo nos cristais, um metal tóxico altamente prejudicial.
Na Polónia os castanheiros estão em perigo por causa do insecto “Cameraria Ohridella”, que destrói as árvores. A IKEA juntou-se há dois anos ao “Poland Chestnut Tree Rescue Project”, para ajudar a coordenar a colecta de castanhas que caiem, por crianças, escolas, jardins-de-infância, clientes e colaboradores IKEA, cada Outono.
As castanhas recolhidas são vendidas a companhias farmacêuticas e o lucro é usado para comprar injecções de insecticida para as árvores. Graças ao envolvimento da IKEA, o projecto tornou-se extremamente popular, e em 2008 foram recolhidas quase 40 toneladas de castanhas. 372 árvores receberam injecções e milhares de árvores foram tratadas sem injecções, através do trabalho manual, como a queima de folhas secas
Às vezes as viagens de negócio podem ser substituídas por soluções técnicas, como reuniões virtuais, por exemplo conferências por vídeo chamada. Na IKEA trabalhamos para reduzir as viagens de negócio. Isso irá reduzir custos e o impacto ambiental, e melhorar o equilíbrio trabalho/vida pessoal dos nossos colaboradores. No FY08, pela primeira vez os custos de viagem foram reduzidos em 20% quando comparado com o ano anterior. Consequentemente, a quantidade de emissões de CO2 diminuiu e agora estamos a tentar encontrar um método para medir os efeitos.
Todo o café vendido e servido na IKEA tem um certificado UTZ, isto significa que é possível rastrear o café que bebe até à origem, através de um código na embalagem. O certificado UTZ é emitido por uma organização independente e sem fins lucrativos, que estabelece padrões sociais e ambientais para a produção e distribuição sustentáveis de café
bom fds grande em harmonia com o planeta ; )

01 outubro 2009

"mata-velhos"


começaram por ser conhecidos assim , agora, pelo menos aqui pela Linha, mudaram de faixa etária
« ... Findo o período de rodagem, de mil quilómetros, e para alívio dos adolescentes, os carrinhos entram numa oficina para serem trabalhados por mãos experientes, e saem de lá a dar 60 ou 70 quilómetros/hora.
A 'operação' ronda os 300/400 euros e não há quem não a faça. Afinal que jovem compraria um carro limitado a 45km/h?
Os pais não só pagam como assumem o risco. Nenhuma destas alterações é feita sem a assinatura de um dos encarregados de educação numa minuta. Muito menos quando a sugestão de trocar o motor de 400cm3, com que os microcarros ligeiros saem de fábrica, por um mais potente, é feita até pelos clientes. Custa mais de mil euros mas o pequeno quadriciclo de 350 quilos pode chegar aos 95 quilómetros/hora.
Um estudante de Ciências do Restelo, é um dos cinco alunos que vão de carro para as aulas. A pé, e a andar devagar, a vivenda onde mora com a mãe não fica a mais de três minutos de distância do liceu. E isto em linha recta. O que não impede o adolescente de sair com o pequeno Aixam cinzento-metalizado (pequeno de mais para os seus 1,80m), e percorrer uma rua. O pior é quando chega atrasado. "Os professores metem-se sempre comigo", conta
Alguns, como ele, guiam desde os 14/15 anos e nem sequer têm a carta de condução B1, obrigatória desde 2005 para guiar um quadriciclo. E que obriga a passar por uma escola de condução, fazer o exame de código e tirar 12 aulas práticas. Tal como centenas de adolescentes "A directiva europeia não obriga a inspeccionar este tipo de veículos", diz uma fonte do Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres (IMTT). ...»
e depois não digam que não somos nós os paizinhos que damos azo a que tudo isto aconteça
e depois estranhamos o "xicoespertismo" que grassa, a falta de civismo, etc, etc, em defintiva, os adultos rascas que ajudamos a formar
toda a notícia aqui


30 setembro 2009

YOU NEVER DRINK ALONE

"Arrancou em Portugal um projecto pioneiro de solidariedade. A água embalada Earth Water é o único produto no mundo com o selo do Alto-Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), revertendo os seus lucros a favor do programa de ajuda de água daquela instituição. A nível nacional, a Earth Water é um projecto que conta com a colaboração da Tetra Pak, do Continente, da Central Cervejas e Bebidas, da MSTF Partners, do Grupo GCI e da Fundação Luís Figo. Com o preço de venda ao público (PVP) de 59 cêntimos, a embalagem de Earth Water diz no rótulo que «oferece 100% dos seus lucros mundiais ao programa de ajuda de água da ACNUR», apresentando, mais abaixo, o slogan «A água que vale água». Actualmente morrem 6 mil pessoas no mundo por dia por falta de água potável. Com 4 cêntimos, o ACNUR consegue fornecer água a um refugiado por um dia." Todos os dias morrem 6 mil pessoas devido à falta de água potável e desta 80% são crianças. A cada 15 segundos morre uma criança devido a uma doença relacionada com a água.
Com a criação da EARTH WATER pretende fazer-se a diferença e melhorar estas estatísticas assustadoras.
Ao desenvolver o conceito "You Never Drink Alone" pretende-se criar solução para a falta de água mundial.
(vía e-mail)

29 setembro 2009

Mafalda

a cáustica e hilariante Mafaldinha faz hoje 45 anos ; )
Parabéns!
eu sou como ela:
alérgica à sopa eh, eh, eh
(mas não penso que o Fidel a devería proibir : )

28 setembro 2009

Mujer Leyendo - Picasso
parece que cada vez há mais grupos de leitura
está a virar moda?
(encolher de ombros) nem sei nem quero saber
acho muito estimulante ler autores que de outra forma não leria, ou nem sequer conheceria
acho muito interessante ouvir os diferentes pontos de vista e os diferentes sentires
em definitiva, para mim, é enriquecedor
do contrapor das ideias nasce a reflexão e de aí o crescimento
além de que passamos um bom bocado entre amigas porque antes jantamos juntas no sossego da casa de cada uma de nós, à vez
por acaso somos todas mulheres... mero acaso
aos homens a quem o tema incomoda e gozam connosco, só posso mesmo pensar:
ou têm dor-de-cotovelo ou não percebem nada mesmo!

18 setembro 2009

AMOR



WH Auden's poem "Funeral Blues
do filme Quatro Casamentos e um Funeral
Stop all the clocks, cut off the telephone,
Prevent the dog from barking with a juicy bone,
Silence the pianos and with muffled drum
Bring out the coffin, let the mourners come.

Let aeroplanes circle moaning overhead
Scribbling on the sky the message He is Dead.
Put crepe bows round the white necks of the public doves,
Let the traffic policemen wear black cotton gloves.

He was my North, my South, my East and West,
My working week and my Sunday rest,
My noon, my midnight, my talk, my song;
I thought that love would last forever: I was wrong.

The stars are not wanted now; put out every one,
Pack up the moon and dismantle the sun,
Pour away the ocean and sweep up the woods;
For nothing now can ever come to any good.


17 setembro 2009

familia



é bom ter familia, é óptimo ter familia
mas às vezes, sai debaixo...
e tenho dito

16 setembro 2009

poupemos

mas não exageremos porque senão vamos dar mais trabalho aos dermatologistas LOLOL
RECEITA PARA O ÁLCOOL GEL
Dissolver 2 folhas de gelatina transparente (uso culinário, vulgar de Lineu, em qq super) num copo de água quente
Deixar arrefecer e adicionar 12 copos de álcool a 96º
Está pronto o àlcool Gel a 72º/75º
Adicionar umas gotas de óleo essencial se quiser dar fragância
(via mail)

15 setembro 2009

... continuação do "mê rico filho na escola pública" (parte II)



ou do tema que tem ocupado a minha cabeça e coração estas últimas semanas
(agora já está tudo a acontecer e já consigo por cá para fora o que até ontem se centrifugava dentro da minha cabeça)
...saiu do carro 50 metros antes e foi a pé, sózinho, de mochila às costas e pasta na mão, atravessou a passagem de peões e entrou accionando o seu cartão magnético - a sua possessão mais valiosa e que mais o "incha" (é como um cartão de crédito vosso - diz ele; é um gesto de adulto ao qual ele já tem acesso - sei eu)
e destes pequenos gestos se faz a independência de um pré-adolescente, se constroi um ego e se salta mais uma etapa do seu crescimento.
Entretanto, eu, desde o escritório, sigo o seu estratégicamente colocado horário escolar com toda a ansiedade e sei que saiu da sua 1ª aula de EVT, um bloco enorme de 1 e 1/2 de aulas, que está no "recreio grande" - o mais desejado no futuro - e que provavelmente será abordado por um qualquer colega para o desafiar a jogar ou brincar a algo (assim o espero) porque ele ainda deve estar a observar a novidade da multidão que se junta na escola e os grupos e brincadeiras e deve estar a tentar identificar e identificar-se neste novo espaço e companhia
bons ventos te acompanhem my beloved!