17 abril 2015

Perfume novo








eu...





«... he could be an ass but he never doubted that he cared, that was what made it specially difficult when they butted heads, no matter how far off the mark his actions, his father motives sprang from a fierce love for his family...»

curioso como as palavras dos outros por vezes e em certas situações, transmitem o que penso/sinto.
talvez não seja só a força da biologia e da educação que me faz persistir embora com a distância que salvaguarda a minha sanidade

com a minha boa cabeça e capacidade de análise,
com a minha vontade de me conhecer e superar,
hei-de chegar lá!
é bom poder contar (de novo) com a minha boa cabeça

16 abril 2015

sortuda





liguei-lhe e disse:
- hoje cozinhas tu porque há muitos dias que o faço eu e já não me apetece!
e ele disse que claro.
love you!

15 abril 2015

eu me confesso #3



o começo da corrida regular (totalmente ao meu ritmo (e ainda a fumar) e quando posso, ou seja, 2 vezes por semana e sem outra meta que a de chegar, um dia, aos 5 km) tem sido bom porque continuo motivada e noto pequenos avanços: tenho-me animado a mim própria, não tem custado ser sozinha, tenho ido superando o meu limiar de sofrimento - este é o mais importante de ultrapassar, não sou nada masoquista e não é costume estar tão motivada pois logo desisto de "sofrer".
palmadinha nas costas para mim própria, yeahhhh


10 abril 2015

e Maio apresenta-se cada vez melhor!

- o jantar anual a 4 mulheres já marcado

- 2 dias aqui

3 dias aqui

e vão 3 fins-de-semana com actividades/em lugares diferentes e com gente de quem gosto muito. Não há melhor !


09 abril 2015

O meu primeiro cabaz




Dentro da saca estão limões , laranjas, batata doce, maçãs e morangos





troquei com os meus pais os grelos (odeio) por meio folar da Páscoa 

fiel babadora





aí vou eu babar mais uma vez! fiel sempre a esta arte que me encanta, a este pintor excepcional, a esta boa pessoa que é um prazer conhecer

07 abril 2015

O Melhor do meu Dia

Corri 2 km controlando-me e superando-me ��������
Assistí com meu infante adolescente à reportagem da SIC " Somos o que comemos". Interessante a nossa conversa este serão ��

Fruta Feia



quinta-feira estreia o novo ponto de distribuição da Fruta Feia e eu vou buscar a minha primeira cesta : ) :)



06 abril 2015

família alargada


a ler a entrevista «... Aquilo que é o modelo de uma família funcional não existe» e a lembrar-me de que ainda ontem reflectia sobre a minha família alargada disfuncional mas que vai funcionado. Reunimo-nos nas datas do calendário que são "familiares" e ainda nos conseguimos rir inclusive. Para trás das costas atiramos o último "desencontro", a farpa que ainda não saiu e a ferida mais profunda que não vai sarar nunca. Mas ninguém desistiu de ninguém. E é por vezes um espanto quando ouvimos e testemunhamos o desmoronar de tantas outras famílias tão iguais à nossa. Algo nos foi transmitido, algo vivemos nos intervalos dos tumultos que nos vale a pena cá continuar


O Melhor do meu Dia (semana)



Enfrentar os bumps on the road e seguir em frente de alma lavada.
Um bom fim-de-semana grande

02 abril 2015

caminante no hay camino

se hace camino al andar

estas palavras do grande poeta, estão escritas no patamar da entrada da minha casa.
a vida é assim mesmo
e depois dos momentos de desânimo vêm as certezas de que para a frente é o caminho e que vale a pena

... e lembro-me das palavras do outro igualmente grande


outro first



Joan Manuel Serrat
"Antologia Desordenada" 
4 Junho em Lisboa



intemporal

01 abril 2015

correndo




no fim-de-semana acabou por não dar para ir andar, na segunda não tive tempo de ir correr só ao Pilates, ontem mais valia tivesse ido, ou talvez não... mas hoje fui. Voltei a conseguir correr o kilometrozito e mais 220 metros LOL
Paciência, sou cinquentinha, voltei a fumar (3 dia) e não gosto de sofrer, mas aqui continuo. E bati o meu record!

29 março 2015

Domingo

Ajustados os copos dos candeeiros


a anual Feira do Vinho, Queijo e Pão



e o resto das tarefas chatas que me calham a mim




À noite "Leviatã"





Bom dia

Sábado que rendeu
Com D. vi




em casa estive a brincar em técnica mista


pelo meio houve as tarefas de casa às quais não se consegue fugir e à noite um jantar do melhor entre amigos 
Excelente Sábado

26 março 2015

a minha cara #9


decidi dar um pulo ao Shopping à hora do almoço e correr amanhã
há muito que não entrava na Oyshio...
ainda bem que deixei a carteira em cima da secretária no escritório



esta é uma pequena amostra das coisas de que gostei, faltam 2 biquinis, uns quantos pijamas e um presente para uma amiga...

24 março 2015

eu me confesso #2



ontem apeteceu-me e fumei 2 cigarros. como decidi que ia fumar até parece que não tinha tanta vontade como noutras noites... talvez fosse por não ter estado com a ideia às voltas na cabeça durante 1 hora como em anteriores serões... estou triste. não me lembro de ter sido tão mau a única outra vez que deixei de fumar (3 anos).
no meu plano de corrida troquei o dia de ontem pelo de hoje. 3 min. a andar e 09'22" para o 1km que me mandavam. estava em bom estado e fui fazer adutores e chest press + 2 min. elíptica + tríceps + 2 min. bicicleta + abdominais + 0,5km a correr de novo 

frésias para mim

20 março 2015

um dia eu vou





ao Douro Internacional


o D. e a Nata



(quando a acordamos da sesta ao chegar à tarde ao quarto do D)

no último dia da obra da cozinha, o único em que só houve um trabalhador em cena, a gata desapareceu. ao fim da tarde o H. estranhou ela não ter aparecido durante todo o dia e procurou-a nos locais do costume e depois por toda a casa, armários, prateleiras e cadeiras. nada! desaparecida em combate.
no dia de menos confusão conseguiu esgueirar-se para as escadas do prédio enquanto o carpinteiro ia e vinha.
quando o D. chegou disse-lhe que tínhamos um problema - a Nata desapareceu. e ele, nada. ou talvez tenha perguntado - de certeza?
não perguntou se tínhamos procurado bem, não disse que ia procurar de novo, não quis saber se alguém tinha andado pela rua ... nada. foi para o quarto e seguiu a sua rotina.
eu fiquei a pensar no assunto. sei que não foi o gatinho bebé para brincar que ele queria, mas não se negou, quis esta gata e fez por isso. claro que depois mal lhe liga. ficou "orgulhoso" quando ela começou a passar mais tempo no quarto dele mas não se lhe viu nunca emoção para com a bicha.
nós que tratamos dela (claro!) estávamos tristes embora eu visse logo o aspecto positivo da coisa em relação aos meus lindos sofás...
à hora do jantar - eu fora em trabalho - mandou-me uma sms a dizer que tinha aparecido. sem mais detalhe algum, fui eu que tive de perguntar: onde estava?! como deram com ela?!

é a adolescência? é porque não criou laços porque ela não brinca?
às vezes penso em como tem pais meio velhos, que lhe damos muita liberdade porque estamos nos nossos afazeres/hobbies, talvez ele seja assim meio desligado emocionalmente ou pelo menos não se exprima ...
foge de tudo o que é triste... histórias com que às vezes o "presenteava" nos meus discursos das "lições de vida" (sou muita chata!), filmes ... ...
preocupações de uma mãe que tem sempre que arranjar sarna para se coçar!

(a dormir ao meu lado ao serão no sofá)

19 março 2015

Dia de São José



Não vou falar do meu Pai. A nossa relação nunca foi boa. Já o meu infante tem um óptimo Pai.
Felicidades a todos los Pépes y Chemas, a Mariajo y a Zé Mª

Posto uma fotografia que roubei aqui 


é uma boa foto e o mantra serve-me

18 março 2015

Eu me confesso

20 dias 4 cigarros
Recomecei a tentativa de correr. 10 min. 
Depois tinha Pilates, não dava mais. Corri sem música, sem audiobook e sem ver o filme que passava. Pensei iria ser mais duro. Estou satisfeita. Espero que me dê alento ao serão quando o não fumar custa. 
Temos passadeiras novas, com mais tempo (amanhã?) tenho que aprender a usar