03 maio 2016

mas no fds ainda









fiz ginástica

fui ao lançamento de um livro, andei de mota



jantei, tomei brunch e passeei com amigos



e ainda tirei Iphotos

 algo está a acontecer na Galileu...



só o final foi menos bom


02 maio 2016

mais uma segunda-feira


mais um começo difícil de semana que nem sei para onde me vire
respirar fundo, inspirar, expirar, inspirar, expirar
tenho sono porque ontem fui para a cama às 2 e pouco da matina depois de 7 horas nas urgências do hospital; estou a ficar piúrça com o "desgaste e a bipolaridade pendular" - perdi qualquer objectividade possível e com sono ... péssima combinação!
pensar positivo, pensar positivo, pensar positivo
há sempre coisas boas a acontecerem: osteodensitometria: ainda tenho bons ossos, fixolíssimo! fui farmácia, supermercado, casa, pais, bombeiros - dei conta dos recados todos rapidamente, yessssssssss!  posso fazer isto numa normalíssima manhã de trabalho - sortudaaaaa; consegui ir à aula de Pilates e não adormecer, booom
acho que não vou ter energia para fazer o jantar programado... há frangos assados ao fim da rua!
amanhã será outro dia



(fotografia óptima pelo que repetida)

27 abril 2016

Capa duma Hola



há desgastes irrecuperáveis porque mataram o amor?
uns não dão por isso? outros tentam e não conseguem? outros não estão nem aí e deixam andar até surgir um terceiro ou os tachos começarem a voar?

26 abril 2016

fds grande - em feminino singular #1


começou também por esta ideia
foto daqui

porque gosto de guiar 

e pela saudade e amor destas paisagens
(tirada do carro com telelé. não sei o que é a pinta verde luminosa...)

ou seja, saudades do Alentejo, dos campos verdes floridos, das vistas amplas
e, com a banda sonora super acertada, juntei a fome à vontade de comer e fui pelas estradas nacionais a tentar recordar percursos e locais de paragens


e fotografei flores

e curiosidades

e maluqueiras minhas

e sonhos bons

20 abril 2016

out of the blue

... when you understand you forgive - I've always belive this

I feel in peace when I kind of understand him and know where his problems come from and accept I'm not going to change him, I don't even want to! but that fact allows me to go on with my relationship with him in different ground, in better terms.

«This is not about "forgiveness." The way past the anger is not "making up" with whoever wronged you. The secret is being willing to accept that what happened did indeed happen, and feel the pain of what you suffered even when every part of you is screaming NO.  To cry through it and comfort yourself. As Oprah says,"Forgiveness is giving up hope that the past could have been any different." Once you offer yourself that healing, you won’t need to hang onto the anger. »

More than about forgiveness is about the inevitability of changing what happened and lived through BUT, in the meanwhile, I closed myself so it wouldn't hurt so much and in order to survive. I didn't allow myself to feel the pain and finally heal. When I let myself feel the hurt I though I was pittying myself and that wasn't acceptable!
Now I have learned that I should not avoid hurt but lived it and let it died naturally at its own pace. I may show hurt if someone/something is hurting me. I'm exposed in that moment and so what? That doesn't diminishes me a bit! Show my emotions

Resentment has been the feeling towars him and, in certain ways guided my growth and developing to an adult













05 abril 2016

hoje sobre o meu adolescente


que começa a aprender algumas duras lições de vida, da sua esperteza saloia, da honestidade que está careca de saber pauta a sua relação connosco os pais, de que mais depressa se apanha um mentiroso que um coxo e que mais sabemos os pais por velhos que por diabos!

na 5ª deixámo-lo depois de jantar em casa de um amigo onde ia passar a noite. subentende-se que a jogar nao PS/computador, a ver séries, na converseta.
no dia seguinte soube que foi para o Urban dançar ... ...

nesse mesmo dia à tarde mandou-me, finalmente, o resumo da sua leitura de Os Maias. só porque tínhamos combinado que assim faria porque lhe faz falta escrever e resumir.
estava bastante bom, simples mas bem resumido. hoje, que tive tempo, fui à net procurar resumos. não sei porque me ocorreu fazê-lo já que conscientemente não achei que o D tivesse copiado - não tem sido o seu comportamento até hoje, mas devia pairar alguma dúvida no meu subconsciente pois sei de que pé coxeia o meu filho e é no da escrita ... claro que está copiado, não ipsis verbis até porque devia dar mais trabalho, ou porque foi mesmo inteligente e achou que eu desconfiaria da utilização de certo vocabulário/gramática.

hoje à noite não vou explodir como na sexta (fiz mal, devia ter esperado umas horas a ver se ele dizia algo e não o ter confrontado logo mal entrei porta dentro piúrça; disse que pensava dizer-nos pessoalmente... pois sim abelha! e consumado o facto claro está!)
primeiro mostro o resumo/cópia ao pai e depois conferenciamos porque desta haverá consequências maiores do que ter ficado um dia sem sair...

04 abril 2016

depois de um Domingo no shopping às compras com afilhada de 22 anos




... se tivesse uma filha adolescente, sobre o tema da moda e do seu corpo dir-lhe-ia:
- gosta do teu corpo. podes achar que há coisas que gostavas fossem diferentes. algumas poderás talvez modificar, mas o teu corpo é uma parte do todo de quem tu és e és linda! (porque a minha filha o seria certamente : )
- na idade certa aprendes a cuidar da pele do teu rosto, a usar os produtos de beleza, a maquilhar-te um pouco e depois poderás aumentar "as quantidades" mas há quantidades e quantidades, conforme a ocasião e hora do dia
- ensinar-te-ia a tirar partido de alguns dos teus atributos físicos, a compensar outros e a "esconder" alguns (isto deve ser mais na minha idade LOL)
- desde cedo saberias que não nos vestimos da mesma forma para ir à praia, ou ir andar pela serra ou ir ao jantar de aniversário dos Avós (o rapaz que tenho sabe-o já dps de alguma dura aprendizagem!)
- podes e deves desenvolver o teu estilo e seguir as tendências mas não ser escrava da moda! porque nem tudo nos fica bem, nem há orçamento que aguente tanta mudança a cada estação!

- e depois há regras! ou havia no meu tempo (iaccc à expressão) e eu não me libertei delas, paciência! e é que nem quero!
Não gosto de soutians escuros com camisas/blusas/tops claros
Não entendo a vontade de usar um top-tank com um soutian de alsas normais?! daaaa !!!!!
Tops/T-shirts super justas com os michelins todos marcados para quê minhas santas? para realçar o que não deveria existir?!!!
E as calças tão justas que se vê a celulite? é que se vê mesmo! Não há espelhos lá em casa?
E a barriguinha à mostra? Ginásio e fechar a boca ok? é que ainda são muito novas!
Sobre unhas e comprimentos já nem falo ...


Sei que não seria um percurso fácil e sem stress, não o foi com o rapaz que tem menos nuances - não há maquilhagem, nem 1/3 das diferentes peças e acessórios - imagino ...

Fundamental: sentir-se bem na tua pele, mas com alguma medida


01 abril 2016

coisas boas

relíquia que aquece o coração quando se encontra
e é por esta razão que escrevo também, para recordar, reviver e não esquecer que vou sendo feliz


  Paula Modersohn-Becker

25 março 2016

Plantas medicinais e comestíveis

Uma manhã muito agradável e instrutiva 


Acelga vermelha, uma novidade para mim nesta cor, linda!




O meu livro para prensar/secar flores
oferecido hà muito pela Carol Calta 😍


Violetas "a sério" das que cheiram (a Avós ❤️)


Couve Toscana

Funcho marítimo, sabe a cenoura!




O almoço, além da feijoada vegetariana foi a salada das plantas que apanhámos. Acreditem ou não, entre flores e folhas foram 71 diferentes!!!


Um luxo de bom 😍









21 março 2016

outra segunda difícil


ele há momentos em que um livro ou um filme distraem e alegram, há um par de horas na companhia de amigos em que rio e estou super bem. outros há que me deixam esperançada quando a vejo já de olhos abertos quase sempre, quando a vejo beber sozinha ou me dizem que já come sem ajuda. outros são como la cuesta de enero ! tanto por fazer, por decidir, tanta vida por modificar...
e lá fora começou a chover e trovejar ... apetece-me esconder-me numa manta no sofá, quentinha e protegida de tudo ! e acordar noutra vida

15 março 2016

minhas batalhas


passei da bipolaridade pendular para o estado emocional «montanha-russa»
ontem foi difícil enfrentar a semana que começava. fiz o esforço e ainda corri 2km (hooray para mim!!!) antes da aula de Pilates e depois fixei-me nas boas notícias.
de agora em diante terá que ser assim, agarrar-se de unhas e dentes a qualquer pedaço de info positiva e puxar para a frente!


10 março 2016

07 março 2016

blue morning


... one more of those blue mornings that its hard to bear 'cause there's nothing to wait/aim for in the horizon ! not only in the horizon of this Monday but for the whole week ...
same old, same old
feeling discouraged
Still not smoking - 49 days and counting hurray for me ! but but I'm eating too much chocolate and the scales shows it!
Making more exercise, but not all the assigned ...
Still escaping to audiobooks

self pep talk post it