27 agosto 2008

fiquei a pensar no que a colega/amiga da Cristina disse e penso com os meus botanitos «... com tanto gestor por aí desempregado, não havería nenhum que a Ordem dos Médicos pudesse utilizar para que lhes fizesse um estudo sobre os médicos que saem formados todos os anos, as vagas nas especialidades que ficam vazias e, consequentemente, o mercado, ou seja, nós, os pacientes, à toa sem ter quem nos atenda; as especialidades que necessitam ser "incentivadas" por não serem tão "compensatórias" , as especialidades que têm gente a mais - haverá?! não deve ...
elaboraríam assim, uma espécie de "estado da coisa" para poder sugerir aos ministérios da saúde e educação medidas de jeito, eficazes...
é que a solução destes temas leva anos pelo que se deve planear e pensar ahead - básicamente, digo eu

2 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Olá!
Passei por aqui para lhe desejar um bom regresso ao trabalhinho, uma coisa revigorante para o espírito!
Já ecebi, pelas fotos, que as férias devem ter sido óptimas!

Álex disse...

obrigada Carlos, temos que ir estimulando a nossa mente - como disse um sr. de uma junta médica a uma amiga minha... outras histórias...